segunda-feira, 15 de setembro de 2008

A espera de um milagre

Queridos leitores desprovidos de bom senso que eu tanto adoro. Venho hoje trazer um texto a vocês escrito por um NOVO Filósofo Bêbado! Peço a vocês que sejam sinceros e comentem sobre o que acharam sobre as idéias e colocações desse que vos escreve logo a seguir!

Não que isso irá mudar minha idéia, afinal, não me importo com a opinião de vocês e sou eu que mando aqui, mas mesmo assim, tenho curiosidade sobre o que acharam do texto escrito pelo nosso digníssimo amigo Maquiavel da Silva. Siga o texto a baixo:

(Milagres caem do Céu?)

Pessoas maravilhosas, venho contar um fato inusitado de amigos, que desempregados, após um longo tempo de fartura financeira e digamos 'amorosa', tivemos uma longa conversa em uma praça pacata. (claro, com um bom vinho barato que todos já conhecem ou apreciam) Começaram a falar sobre o porquê não se acha mais mulheres 'certas' nesse mundo.

Pois bem, é um fato curioso o homem querer achar a mulher certa que mude sua vida, que aceite seus amigos, que seja maravilhosa sexualmente falando, independente, inteligente e coisa e tal.

Porém e muito difícil o homem enxergar certas coisas...

Como e possível que um homem que bebe diariamente, que fume maços e maços de cigarros, que fique rodeado de amigos iguais ou pior a ele, achar que uma mulher pode chegar e mudar a vida dele ao ponto de transforma-lo em outra pessoa?

Imagine, sexta feira, 40º, tomando um suco de açaí com ela e dispensando a tão comentada roda de amigos.

(Mulher da sua vida)

OU

(Roda de Amigos)

Assim como a mulher que procura um 'príncipe encantado, montado num cavalo branco e tal', o homem também quer uma mulher definida (equivalente a sua mãe na maioria das vezes!)

O homem tem medo da mulher que também têm amigas, que também bebe até cair, que sim gosta de sexo e pratica mais do que ele, que discute política, que é inteligente, que ganha mais que ele e que sabe que é linda, e não só pelo fato de trabalhadores da construção civil (pedreiros) gritam “gostosa” ao vê-la passar.

Só que é fato também que essas mulheres querem homens no mínimo coerentes, que no final se decidam por ter uma vida equilibrada e digna de sua companhia.

A cervejinha com os amigos e normal, não na hora que você deveria estar com ela! Olhar para outras mulheres também é normal, mas não com ela ao seu lado, na maior cara de pau! Pelo menos disfarce caralho. Mais o melhor é: elas pensam em casamento ainda, então pense, como um cidadão que gasta todo seu dinheiro com bar, futebol e mulher pode ser um cara responsável para formar uma família?

Isso mesmo, formar, porque essa moda de chefe de família já era, você vai formar uma família e arcar junto com ela as despesas, isso não significa que elas não gostam mais de gentilezas.

Animal, você realmente acha que chamando ela 'de minha mina', bebendo que nem um louco, olhando para as amigas dela, você vai conquistar quem? Com essa sua educação aprimorada, você vai ter alguém ao seu lado?

Um velho clichê sempre faz me lembrar o porquê tenho tudo ou nada na vida: “Você tem o que merece ter!

Mas claro como no filme você pode viver a espera de um milagre!

Maquiavel da Silva


E ai, o que acharam leitores? Mandou Bem? Espero nos comentários!

PS: Queridas leitoras que sugeriram temas através de nossa comunidade do Orkut, não pensem que me esqueci de vocês, estou aprontando os textos para os assuntos solicitados pela Veronica, pela Marina e também pela Rosa ( Ou Anja, como preferir). Essa semana prometo atualizações com relação a eles!

9 comentários:

Jhennifer Cavassola disse...

Gostei do texto do Silva. Parecia até o Jabor falando rss.
Já dizia o filosofo Chorão: "Você deixou ela de lado pra falar com seus amigos, sobre as suas coisas chatas. Ela deu brecha eu me aproximei porque eu me fortaleço é na sua falha. Ela estava ali sozinha querendo atenção e alguém pra conversar... Então já era, eu vou fazer de um jeito que ela não vai esquecer."

É a vidaa! Melhor atender as espectativas agora, pois pode ser tarde.

Um grande beijo e uma linda semana!

Bel disse...

Esse negócio de chamar de "minha mina" superrr me incomoda!

Se não quer chamar de namorada, refiram-se pelo nome da garota, mas "minha mina", não..

Por favor macharada, nos poupe disso.

APaula Campos disse...

Valeu pelo selo e pelas palavras.

O Fedor agradece!

Tem um selo lá pra vcs tb!

Abs

Marina Tavares disse...

Isso mesmo caro filósofo Silva. ótimo texto e abordagem do temaaa!! Adoreiii!!

Seja bem-vindo ao nosso tão adorado blog!! :D

Bjosss!! ;)

Estou no aguardo do meu post solicitado Platão!!!

khé disse...

Ameeei o texto...mto bom mesmo!!!

Se ta procuando uma mulher parecida com a ua mãe....fica com ela.... hahahahaha

Srta Emy disse...

Txa porra...
Tah ruim, hein?
Silva, ótimo post, mas tu vai continuar na merda!
Aahuahauah...
Meu beijo malvado!

Barbara disse...

Ameeei esse textoo!!!

Se o mais importante pa vcs eh cerveja, futebol e "mulher". Fika com isso.. mas num vem reclama q num existe mulheres "certas".. Pq qnd vcs acham as "certas" vcs naum sabem oq fazer!!!

Eh nois Maquiavel da Silva...
Bjuxxxxx

Jáááárdel disse...

pra mulher certa!?!

eu gosto mesmo é daquelas que tem curvas!
hehehe

Anônimo disse...

Gostei do texto, Maquiavel! Parabéns... mas faltou 'desenvolver' um pouquinho um 'fato' por você evocado em meio à 'argumentação', que ficou 'no ar' a despeito de meio... 'dentro demais de contexto', digamos assim, srrs. Me refiro à 'indigesta' constatação (que, a depeito de atualmente parecer mesmo verdadeira, não deixa de ser questionável - para 'o bem' dos próprios homens, aliás [que o diga Platão?]) segundo a qual os homens tê medo de 'mulhere que também têm amigas, que também bebe até cair, que sim gosta de sexo e pratica mais do que ele, que discute política, que é inteligente, que ganha mais que ele e que sabe que é linda, e não só pelo fato de trabalhadores da construção civil (pedreiros) gritam “gostosa” ao vê-la passar." E aí? Como é que fica isso?? O tema merece um texto, a meu ver... rsrs
Vamos lá, saciem minha curiosidade feminina...
Babo