sexta-feira, 19 de setembro de 2008

A Filosofia do Ciúme


Queridos Leitores psicopatas e doentes que acessam essa pocilga digital que tanto prezo, venho hoje falar para vocês sobre um tema sugerido por nossa leitora Marina, em nossa Comunidade do Orkut! (e por incrível que pareça, ela está crescendo a cada dia que passa)

O ciúme masculino! Diria facilmente ser um tema delicado a ser abordado, mas como falar sobre temas delicados é coisa e viado, vou escrever sobre ele do meu jeitinho “filho da puta” que tanto gosto!

É fato que sentir ciúmes em dose certa é necessário em todo relacionamento, queridos leitores lazarentos. Todos nós, alguma vez, já o sentimos aquela sensação de corno. E é obvio e ululante que estará mentindo aquele que disser que nunca sentiu, se bem que todos mentem, não é mesmo?

As vezes, o ciúme se torna um medidor, para saber se o interesse mútuo continua aceso! Claro que se você não sabe se seu parceiro(a) sente interesse em sua pessoa, é fato que você está sendo corneado(a).

(Modelo Primavera/Verão, para você, leitor ciumento, dar para sua mulher)

Ciúmes é necessário, mas digamos que temos diversos níveis e demonstrações diferentes do mesmo! E como o tema sugerido era com ênfase no ciúme dos machos, estarei aqui explicando como ele funciona!

(Agora, se você é um ciumento rico, compre essa linda peça para sua amada)

Ciúme repreendido: Fica claro a todos os leitores que ciúme é algo que não pode ser demonstrado por aquele cidadão que se acha o macho comedor seguro de si mesmo!

Mas claro que ele também sente! Logo, fará de despreocupado na frente da garota, tentando mostrar o quanto ele não se importa, mas viverá um questionamento constante se a garota não está dando para alguém mais pintudo que ele!


Ciúme reversivo: Geralmente posto em prática por adolescentes de tenra idade, da qual não sabem lidar com esse sentimento de busca frenética de confirmações idiotas!

Logo que se sentem ameaçados ou enciumados no relacionamento, tendem rapidamente a tentar passar o mesmo sentimento à parceira, (ou parceiro, adolescentes de hoje estão cada dia mais “alegres”) fazendo assim, uma guerra frenética entre o casal para saber quem fode mais o outro.


Ciúmes sem tendências sexuais: É o típico caso que devido a grande aproximação a uma pessoa, o enciumado não deseja que ninguém a tire de perto dela.

Típica entre irmãos ou amigos muito próximos! Geralmente ocorre quando um dos lados começa a ter uma fodinha diária e deixa o outro lado com ciúmes por não ter mais seu companheiro de bebidas ou conversas que tanto lhe agradava!


Ciúme Patológico ou Doentio: O caso mais grave de todos, mas também o mais engraçado para rir da cara de otários psicóticos. Para o louco sofredor desse mal, não existe mais diferença entre a realidade e o imaginário!

Ele fica possessivo, a ponto de se dedicar exclusivamente a invadir a privacidade e podar a liberdade da parceira. Praticamente seu sonho era trancá-la em um quarto escuro a pão e água, restringir o acesso a ela de qualquer pessoa e poder vê-la sempre que lhe der vontade! A pessoa em questão é sua propriedade!

O filho da puta se torna uma pessoa violenta, da qual detesta ser contrariada, e quanto mais abalada fica sua autoconfiança, menor é o nível de lucidez na cabeça desse indivíduo!

Esse tipo de louco é mais comum do que vocês possam imaginar queridos leitores.

(Tipo clássico de ciumento patológico)

Acho que poderia classificar os ciúmes masculinos nesses 4 tópicos. Por favor, se esqueci de algum, podem adicionar ricas informações ao meu texto na parte de comentários! Se for algo realmente relevante, estarei fazendo uma atualização no texto!

E para você, leitor ou leitora dos filósofos bêbados, que morre de ciúme da pessoa amada, e deseja saber o que ele está fazendo nesse exato momento, vejam que seus problemas acabaram!

A Filósofos Bêbados Corporation Ltda. acaba de lançar o seu mais novo sistema de busca via satélite!

É muito simples, basta que seu namorado, namorada, fodinha ocasional, ficante, marido, esposa, ou qualquer outra porra que você mantenha relação, esteja de posse de um celular GSM! O sistema encontrará em tempo real a sua localização!

Quer utilizar essa nova maravilha da tecnologia, clique AQUI!

Filósofos Bêbados melhorando o Mundo!

Grato pela Leitura.

Platão.

PS: Ainda tenho um tema solicitado em nossa comunidade para desenvolver, sobre Boy Bands, que foi sugerido pela Veronica, mas como conheço muito pouco dessas pessoas exóticas, o texto ainda não foi concluído! Prometo a postagem em breve! Quer mandar uma idéia sobre esse tema e ajudar esse filósofo a terminá-lo? Envie o texto para filosofosbebados@gmail.com

13 comentários:

Francini disse...

Aeeeeeeeeeee...Marina dando sugestão de tema!!! Pq será q escolheu especificamente ciúme hein?? uahauiha...Prefiro não comentar

Como sempre Platão mandou muito bem....principalmente por atender ao pedido da minha amiga da qual não tenho ciúme..hehehehe

Já diziiiia a minha vó...lá em Pato Brããããããnco: "Tudo que é demais faz mal"

Parabéns pelo blog...acesso tds dias...ô falta do q fazer!!! huhuhuh

Srta Emy disse...

Eita...
Prezo por demais minha liberdade, mas sempre existe um sentimento de posse escondido por trás do "tô nem aí"!
Belo post, Platão!
Meu beijo malvado..

David disse...

Ciúmes é algo que não sinto, para não ter problemas já existem os contratos.
Traiu pagou, uma beleza, a cabeça fica fria. Psicótico Prevenido Rsrsr

Bom Post, Platão

Sandman disse...

haehuaee
ainda bem que não tive nenhuma psicótica atrás de mim :D

nerdsedentario disse...

Não faço idéia em qual eu me encaixo.
Só sei que eu sou ciumento pra caralho. Mas não chego na parte de ser violento. (:

Abraços!!!

Marina! disse...

Mandou muito bem Platãooo!!! Adorei o textooo... e mesmo sendo uma leitira assídua feminista... me encaixo perfeitamento no Ciúmes sem interesse sexuais.... hahahaha... Adorei mesmoooo!!

Vou continuar sugerindo pautas!! hahaha....

Parabéns pelo blog!!! Adoroo de mais!!! rs.

Bjos

Lenon Mendes disse...

Muito legal o seu blog!
vou visitar sempre
Parabéns

Jhennifer Cavassola disse...

Humm o que dizer do ciume? É necessário em um relacionamento, mas na dose certa. Ser doente, não da e não tem homem ou mulher que aguente. Não me encaixo na lista, tenho ciumes na dose, massss... tenho um problema que é de confiança. Sou traumatizada, meu pai trai minha mãe, meu irmão traia nos relacionamentos dele, meus amigos, e já vi muito história. Então mesmo o cara sendo certinho, chegando na hora, explicando tudo como meu esposo, fico com o pé atrás. Mas não acho que seja ciumes. Pra uma pessoa que até ménage já fez, deixou uma mulher fazer tudo que queria com o marido, ser ciumenta numa alturas dessas. Mas não gosto de ex namoradas, apesar que é dificil homem trair com ex, pois quer comer o novo e não comer o passado.

Beijos parceiros e umá ótima semana!

Fernando disse...

dizem que blog bom ganha o mesmo selo 2 vezes..
que assim seja..
visite e veja... pterodactilo.wordpress.com

abraçoss

Jáááárdel disse...

eu acho que vc deve ter passado por todas aquelas situações pra ter tanta convicção do que fala... hehehe
fulero!

ms disse...

Sei la gostei do texto acho q esse blog deveria ser lido no Jo Soares, e sair na veja tb, se vacilar virar musica do Caetano Veloso!


Abraços

Morango - SE MATA disse...

Oi Parceiro!

Estamos com uma promoção lá no Se Mata, vale a pena dar uma conferida, se você não tiver interesse em participar, indique para seus amigos!

Abraço!

Anônimo disse...

Eu sou suspeita pra falar pq eu sou sim..CIUMENTA ASSUMIDA...rs
Mas to longe de parecer o Jason na sexta-feira 13..hheheheh..eu sou mto mais gatinha...rsrs

bjuxxxxxxxxx